Consultas

Partilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

PROGRAMA SOCIAL DE ARTE-TERAPIA (PSAT)

Consultas a baixos custos

Mediante o rendimento familiar as consultas de arte-psicoterapia são a um custo reduzido.

ATENDIMENTOS PRESENCIAL E POR VIDEOCONFERÊNCIA EM PORTUGUÊS,  INGLÊS, FRANCÊS E ESPANHOL POR ARTE-PSICOTERAPEUTAS MEMBROS DA SPAT, A QUAL CERTIFICA A SUA FORMAÇÃO COESA E COMPETÊNCIA.*

Para marcar uma entrevista inicial ligar para Central / SPAT : 210 998 922 ou 912 673 359 ou enviar email para spat.pt@gmail.com

Lisboa

Responsáveis: Ana Monteiro e Helena Pinto

DEMAIS ARTE-PSICOTERAPEUTAS EXECUTORAS DO PSAT LISBOA:

  • Alexandra Serra
  • Ana Filipa Teixeira
  • Andreia Borges
  • Filipa Santos
  • Joana Frada
  • Joana Pereira
  • Joana Pires

 

Linha de Sintra

Responsável:  Daniela Martins

Linha de Cascais

Responsáveis:  Rita Ponte e Catarina Capinha 

Torres Vedras e Zona Oeste

Responsável: Célia Filipa Paulo 

Évora e Alentejo

Responsável:  Vera Cruz 

Santarém, Ribatejo e Região Centro

Responsável: Marta Tagarro 

Faro e Algarve

Responsável: Sónia Esteves

Porto e Região Norte

Responsável: Maria Figueiredo

Objetivos

O PROGRAMA SOCIAL DE ARTE-TERAPIA pretende alargar a ação da Sociedade Portuguesa de Arte-Terapia, para além da formação de Arte-Terapeutas/Psicoterapeutas, tornando os benefícios da Arte-Terapia/Psicoterapia acessíveis a todos.

Sendo a Arte-Terapia/Psicoterapia uma técnica eficaz para alcançar o equilíbrio psicológico, tencionamos, ao intervir nas comunidades carenciadas, promover a possibilidade de transformação e desenvolvimento integral criativo, para as pessoas em geral, além de se poder obter melhoria ou mesmo cura para o padecimento psíquico/perturbação mental (de qualquer foro), de quem de tal necessite.

Assim, é objeto do PROGRAMA SOCIAL DE ARTE-TERAPIA, não só proporcionar uma melhor integração social, mas também permitir às pessoas encontrarem novas aptidões criativas, que lhes possibilitem alcançar soluções, sustentadas no reforço da resiliência e autorregulação, para melhorarem o seu bem-estar e ultrapassarem os seus problemas pessoais.

População Alvo​

Destina-se às várias faixas etárias e às diferentes fases da vida. Alguns ARTE-PSICOTERAPEUTAS têm experiência profissional em populações específicas, como crianças, adolescentes, grávidas e idosos.

Indicações

A Arte-Psicoterapia é um método de tratamento psíquico indicado para todas as perturbações do foro mental, e também para situações de cariz psicossomático. Além disso é altamente eficaz no desenvolvimento pessoal criativo. É adequável a todas as populações: crianças, adolescentes, adultos e idosos. Torna-se particularmente adaptável ao tratamento de crianças.

Não existem contra-indicações, dado ser uma técnica terapêutica flexível e com aplicações próprias mediante a problemática específica de cada pessoa.

Escalões para Instituições Privadas de Solidariedade Social da Segurança Social ou Empresas

Os escalões serão negociados de acordo com protocolo a estabelecer com instituições e empresas, o qual poderá contemplar um desconto a partir dos escalões vigentes para o público em geral.

ESCALÕES BASEADOS NO RENDIMENTO PER CAPITA DO AGREGADO FAMILIAR
O valor a pagar pelas sessões de Arte-Psicoterapia será calculado de acordo com o rendimento per capita do agregado familiar ou equivalente:*

RENDIMENTO PER CAPITA VALOR MENSAL (1 sessão por semana)
Menor ou igual a 200€                        50€ mensais                     
Entre 201€ e 249€  60€ mensais
Entre 250€ e 300€ 70€ mensais
Entre 301€ e 349€ 80€ mensais
Entre 350€ e 400€                                90€ mensais                             
Entre 401€ e 449€                                100€ mensais                           
Entre 450€ e 500€                       125€ mensais                   
Entre 501€ e 549€               140€ mensais                           
Entre 550€ e 600€ 160€ mensais
Acima de 600€ 200€ mensais

Como efetuar o cálculo:

Soma dos rendimentos familiares (____) – (____) Renda /Prest. Casa : (____) Nº elementos agregado familiar

O cálculo é efetuado somando o rendimento de todos os elementos da família (incluindo subsídios sociais e ajudas familiares) e subtraindo daquele o valor que se paga de renda ou de prestação da casa. A seguir, divide-se esse total pelo número de elementos do agregado familiar, o que irá totalizar o valor do escalão a ser pago por sessão. Quem receber apoios familiares considera-se integrado no respetivo agregado familiar e contam os rendimentos inerentes (por exemplo, pais).

Em caso de dúvida o arte-psicoterapeuta atribuído reserva-se ao direito de solicitar documentos comprovativos.

Outras informações

  • A alteração dos honorários dependerá de reajuste efetuado pelo Programa.

  • O valor acordado no início da Arte-Psicoterapia poderá ser revisto em função da mudança de rendimentos do utente.

  • Considera-se que o valor mensal estabelecido deverá ser pago na íntegra independentemente do número de sessões de Arte-Psicoterapia realizadas, a não ser que haja cancelamento de sessões pelo arte-psicoterapeuta.

  • Se a frequência nas sessões se alterar, ou forem marcadas para qualquer outra periodicidade abaixo ou acima da semanal, os honorários não se basearão nestes escalões, ficando ao critério do Arte-Psicoterapeuta o estabelecimento do valor.

  • A intervenção será feita por Membros da SPAT, arte-psicoterapeutas habilitados à prática clínica.

  • O responsável pela qualidade do atendimento e demais questões éticas, asseguradas por consentimento informado, será o arte-psicoterapeuta executor.

  • O não cumprimento dos escalões do programa por parte do arte-psicoterapeuta deverá ser informado à Gestora de Formação, implicando na suspensão daquele.

  • A SPAT fornecerá espaços para intervenção ou tentará estabelecer acordos para tal com instituições que se disponham a colaborar com os objetivos deste programa.

  • Este Programa de intervenção social é supervisionado por Membros do Conselho Científico da SPAT (psiquiatras e psicoterapeutas).